domingo, 29 de abril de 2012

ENCONTRO INTERNACIONAL DE HISTÓRIA ORAL E NARRATIVAS EM SAÚDE


ENCONTRO INTERNACIONAL DE HISTÓRIA ORAL E NARRATIVAS EM SAÚDE II Seminário do Grupo de História Oral em Saúde - CeHFi/EPM/UNIFESP

Fabíola Holanda Barbosa
Departamento de História/UFRO
Centro de História e Filosofia das Ciências da Saúde/UNIFESP
 Fones:              (11) 50848582      

            (19)97985828       ViVo cel
            (11) 33232196       fixo casa voip
(19) 33884460 fixo casa livre
"A indiferença é a melhor aliada da burocracia. E a burocracia é a maior fábrica de indiferença, uma doença incurável." (Cristovam Buarque)

Colóquio Internacional Rousseau 300 anos

A comissão organizadora das comemorações do tricentenário de
nascimento de Jean-Jacques Rousseau em 2012 tem o prazer de divulgar a chamada de trabalhos para o Colóquio Internacional Rousseau 300 anos.
O evento acontecerá de 17 a 21 de setembro de 2012 na PUC-SP e na USP.
As propostas de comunicação serão recebidas até 15 de maio de 2012  pelo e-mail <rousseau300anos@pucsp.br>. No arquivo em anexo há mais  informações sobre o colóquio e sobre a inscrição.

Atenciosamente,
Luiz Fernando Franklin de Matos (USP)
Maria Constança Peres Pissarra (PUC-SP)
Maria das Graças de Souza (USP)

terça-feira, 17 de abril de 2012

Restaurante reproduz último jantar servido no Titanic


Restaurante reproduz último jantar servido no Titanic

No próximo sábado, dia 14, o naufrágio do navio RMS Titanic, completará 100 anos. Para relembrar a data, acontecerão eventos na cidade, como a estreia do remake do filme “Titanic”, de James Cameron, em 3D.  A mais inusitada homenagem, no entanto, será a do restaurante intimista From the Galley, que irá reproduzir o último jantar servido na embarcação.
A ideia é do chef Ton Vasconcellos, que, além de gerir o restaurante, administra a empresa de cruzeiros marítimos Pier1 Cruise Experts. “Para mim, a história do Titanic é algo fantástico”, conta ele. “Quis reproduzir parte desse fascínio para os frequentadores do meu restaurante no aniversário do naufrágio”.
From the Galley: apenas 20 lugares para o jantar
Conhecedor do assunto, Vasconcellos encontrou em livros e sites na internet o menu completo do jantar servido aos 337 passageiros de primeira classe na noite da tragédia. O cardápio, de onze tempos, será preparado para os clientes em um jantar black tie. “Tentei ser o mais fiel possível ao que foi servido”, afirma Ton, que fez poucas adaptações na lista.
“Como era um jantar para muitas pessoas, havia pelo menos duas opções de pratos para cada etapa da refeição”, conta Vasconcellos. “Aqui, escolhi apenas um dos alimentos oferecidos e criei um menu fixo”. As sopas, por exemplo, são as primeiras a chegar à mesa. Havia a opção de servir um creme de cevada ou o Consommé Olga, um caldo de carne. No caso, o chef optou pelo segundo prato. “Creme de cevada é um prato típico britânico e poderia não agradar aos visitantes brasileiros”, explica.
Além da sopa, outros pratos incluídos na degustação são ostras frescas com molho de vodca, posta de salmão cozida com molho holandês e patê de foie gras marinado no vinho Madeira com aipo.O From the Galley tem apenas uma mesa coletiva, com 20 lugares. Para participar do jantar, que custa R$ 680 por pessoa (os vinhos que acompanham os pratos estão inclusos no preço), é preciso fazer reserva com antecedência.
Quem quiser fazer sua própria refeição em homenagem aos passageiros do RMS Titanic irá  encontrar o cardápio completo no livro O Ganso Marisco e outros Papos de Cozinha, de Bruno Lemer. Entre os 36 contos da obra, da Editora Melhoramentos, há uma seção dedicada apenas a curiosidades sobre a viagem de navio, como todos os alimentos consumidos a bordo.
Serviço:
From the Galley
R. Leopoldo de Couto Magalhães, 761, Itaim Bibi, 3073-0928

China censura cenas de “Titanic”


China censura cenas de “Titanic”

Cortes no filme de James Cameron causam protesto
A versão 3D do Titanic, que obteve grande êxito nas telas do mundo inteiro, sofre censuras na China por conta do conteúdo, dado como “sexual”, informou a imprensa local.
Segundo o jornal português “Diário de Notícias”, “A indignação dos espectadores chineses já se fez sentir nas redes sociais e muitos se referem ao corte da cena em que Rose (Kate Winslet) posa nua enquanto Jack (Leonardo di Caprio) a desenha”.
Vários dos que criticam a censura lembram que não foi feito nenhum corte no filme na sua versão original, em 1998, quando teve sua estreia nos cinemas.

Evento em Londres reúne os cinco capitães de "Star Trek"


Evento em Londres reúne os cinco capitães de "Star Trek"

segunda-feira, 16 de abril de 2012 10:35 BRT
 
[-Texto [+]
16 Abr (Reuters) - O universo de "Star Trek" ("Jornada nas Estrelas") se teletransporta em outubro para Londres, atingindo então a fronteira final, ao reunir pela primeira vez os cinco atores que já comandaram as tripulações nas séries televisivas dessa franquia de ficção espacial.
Os organizadores do evento "Destination Star Trek London" anunciaram nesta segunda-feira que esse será o primeiro evento oficial da franquia no Reino Unido em dez anos.
Para marcar a ocasião, os atores William Shatner (capitão Kirk), Patrick Stewart (capitão Picard), Avery Brooks (comandante Sisko), Kate Mulgrew (capitão Janeway) e Scott Bakula (capitão Archer) aparecerão juntos diante dos fãs.
Shatner, de 81 anos, que comandou a nave Enterprise pela primeira vez nos episódios gravados em 1966, é figura habitual nesse tipo de evento, que costuma atrair milhares de fãs, principalmente nos EUA.
Avery Brooks (primeiro comandante negro, na série "Star Trek: Deep Space Nine", entre 1993 e 99) e Kate Mulgrew (primeira mulher comandante, em "Star Trek: Voyager") também costumam participar dos eventos.
Os organizadores dizem esperar a presença de 10 a 15 mil fãs da série, oriundos do mundo todo. O evento acontecerá no Excel Exhibition Centre, entre 19 e 21 de outubro, e os ingressos começam a ser vendidos em 30 de abril.
"Não são só os cinco capitães. Haverá vários outros convidados das séries. Os fãs poderão chegar perto", disse Rob Nathan, diretor de marketing da empresa Media 10, que organiza o evento com a CBS.
Ele disse que o evento será maior e mais interativo que edições anteriores. "Haverá exibições de dublês, vamos recriar alguns cenários, e levar alguns cenários originais. As pessoas poderão se sentar na ponte de comando com membros do elenco", afirmou.
Mais informações estão disponíveis no site www.startreklondon.com, que entra no ar na segunda-feira.
(Reportagem de Jill Serjeant)

“GRAFFITI E PICHAÇÃO"


dIAd


24 de abril de 2012
terça-feira / 10h


“GRAFFITI E PICHAÇÃO”
Deborah Pennachin


Teatro Reynúncio Lima
Instituto de Artes
UNESP

Organização:
Conselho de Curso de Graduação em Artes Visuais
Programa de Pós-Graduação em Artes

Um século depois, estudos descartam negligência como causa da destruição do Titanic


Um século depois, estudos descartam negligência como causa da destruição do Titanic 

The New York Times
William J. Broad
 
  • The New York Times
    Primeira página da edição do The New York Times de 16 de abril de 1912, com a cobertura do naufrágio do Titanic
    Primeira página da edição do The New York Times de 16 de abril de 1912, com a cobertura do naufrágio do Titanic
O motivo da destruição do Titanic é bem conhecido, pelo menos em linhas gerais. Numa noite sem lua no Atlântico Norte, o navio de cruzeiro atingiu um iceberg e naufragou deixando 1.500 mortos.
Centenas de livros, estudos e investigações oficiais trataram da questão mais profunda de como um navio que era tão caro e tão bem construído – um navio que se dizia impossível de afundar – pode ter tido um fim tão terrível. As teorias variam muito, e colocam a culpa em tudo, desde marinheiros ineptos até falhas na soldagem.
Agora, um século depois que o navio afundou nas primeiras horas de 15 de abril de 1912, dois novos estudos argumentam que circunstâncias raras da natureza tiveram um papel importante na catástrofe.
O primeiro diz que a proximidade da Terra em relação à lua e ao sol – uma proximidade que não se repetiu em mais de mil anos – resultou em marés recordes que ajudam a explicar porque o Titanic encontrou tanto gelo, inclusive o iceberg fatal.
E uma segunda, proposta por um historiador britânico do Titanic, defende que as águas geladas criaram as condições ideais para um tipo incomum de miragem que escondeu os icebergues e confundiu um navio próximo quanto à identidade do Titanic, atrasando os esforços de resgate durante horas.
O autor, Tim Maltin, disse que sua explicação ajuda a retirar a marca de negligência do que ele acredita que foi uma tragédia.
"Não houve heróis, nem vilões", disse Maltin numa entrevista. "Em vez disso, houve muitos seres humanos tentando fazer o seu melhor na situação, da forma como a viram". O título de seu novo livro, "Titanic: Uma Noite Muito Traiçoeira", a ser lançado esta semana como e-book, diz como as miragens podem ter causado o caos nas observações humanas.

terça-feira, 10 de abril de 2012

Exposição INSTANTE, no SESC PINHIROS

Exposição INSTANTE, no SESC PINHIROS.
HOJE às 20 hs.

Lá estará a obra premiada pelo Prêmio Sergio Motta 2005,  ATRATOR POÉTICO, do grupo SCIARTS e Edson Zampronha.

(Sim, dos professores Rosangella Leote e Milton Sogabe)

Apareçam!! Sem apresentação de convite.

Até mais!
Rosangella

I Seminário Internacional sobre Arte Pública e Impacto Social


O Programa de Pós-Graduação em Artes do
Instituto de Artes da UNESP convida para:
 I Seminário Internacional sobre Arte Pública e Impacto Social


I Seminário Internacional sobre Arte Pública e Impacto Social no dia 18/04/2012 das 9:00 as 12:00 no IA/Unesp,  com a participação dos escultores: Sandra Uribe (Universidade Colima, Mexico), José Spaniol (Instituto de Arte/UNESP), Agnus Valente (Instituto de Arte/UNESP) e Mario Ramiro (ECA/USP)Coordenação: Lalada Dalglish. Número de vagas: 50. Inscrições no e-mail  vera@ia.unesp.br  
 Instituto de Artes
UNESP – Universidade Estadual Paulista
Rua Dr. Bento Teobaldo Ferraz, 271
Bairro: Barra Funda, São Paulo/SP
PABX: (11) 3393-8546  www.ia.unesp.br
Ao lado do Metro Barra Funda

A Cultura da Guerra Fria vista por Hollywood



 
A Cultura da Guerra Fria vista por Hollywood

No próximo dia 18 de abril de 2012, às 18h, no auditório da APROPUC na Rua Bartira, 407 (ao lado da PUC), ocorrerá uma palestra com os Professores Antonio Pedro Tota e Mauro Peron sobre A Cultura da Guerra Fria vista por Hollywood - o cinema de Byron Haskin, Irvin Yeaworth, John Frankenheimer.
A atividade é promovida pelo Núcleo de Estudos de Política, História e Cultura – POLITHICULT. Além de debater questões gerais sobre a Guerra Fria, os professores farão análises dos filmes: Guerra dos Mundos (The War of the Worlds), de 1952; A Bolha (The Blob), de 1958; e Sob o Domínio do Mal (The Manchurian Candidate), de 1962. Os participantes receberão certificados.